PRF apreende caminhões transportando alimentos com risco de contaminação na BR-060

 

20150828151743

Em operação da Polícia Rodoviária Federal e o Ministério do Trabalho, 12 caminhões foram apreendidos transportando alimentos e veneno no mesmo compartimento de carga. A operação que tem o objetivo de coibir o transporte de produtos incompatíveis e a jornada de trabalho excessiva está sendo executada nesta sexta (28), desde às 4h na BR-060, próximo a Anápolis (GO).

De acordo com a PRF, as cargas apreendidas abasteceriam mercados de Goiânia, em Goiás, Brasília e Região Metropolitana. Cerca de 80% da carga eram produtos alimentícios que estavam dividindo o mesmo espaço com inseticidas, soda cáustica e líquidos inflamáveis, segundo a corporação. O transporte irregular pode causar graves danos à saúde do consumidor. A vigilância sanitária recolheu as mercadorias para serem destruídas no aterro sanitário.

Por excederem o tempo de direção permitido em Lei, máximo de 8h, dezenas de motoristas foram multados. “A maioria absoluta dos profissionais parados está dirigindo a pelo menos 20h sem pausa para descanso. Para voltar a dirigir, o motorista precisa descansar por pelo menos 11 h”, explica a auditora Jaqueline Carrijo.

Segundo Carrijo, a jornada excessiva é a principal causa de acidentes envolvendo motoristas profissionais. “Em nossas investigações identificamos que a principal causa de acidente e, por consequência, de mortes, entre esses profissionais é o excesso de tempo de direção. Esses motoristas são submetidos a uma carga excessiva de trabalho e, muitas vezes acabam fazendo uso de drogas para suportarem a rotina e preservarem o emprego”, avalia.

Até o momento a PRF já fez mais de 200 autuações relacionadas ao transporte de produtos perigosos e os valores oscilam de R$400 a R$1 mil. A ação integrada segue até as 20h sexta sexta na Unidade Operacional da PRF em Anápolis.

Fonte: Da redação do Jornal de Brasília

Sobre mestre

Descendente de um Ronin... que através do caminho dos santos tenha chegar ao Eterno!

Publicado em 30 de agosto de 2015, em Food Safety. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: